Amanda Nunes, a melhor lutadora do UFC

A maior lutadora de MMA de todos os tempos está querendo voltar ao ritmo de vitórias que a consagrou. Amanda Nunes vive uma nova fase na sua carreira, depois de faturar, em 2020, pela terceira vez, o MMA Awards – que equivale ao Oscar do MMA, oferecido para um seleto grupo de atletas que se destacaram ao longo do ano – a lutadora sofreu sua segunda derrota no UFC em 2021. Porém, este ano Amanda conseguiu vencer a revanche contra Julianna Peña de forma avassaladora e todos os holofotes voltaram para ela.

Neste artigo você, vai conhecer um pouco mais da história desta lutadora que, nos grupos de apostas do UFC, sempre teve o favoritismo. Também saberá como foi o início de sua jornada nos tatames, as mais memoráveis lutas e os recordes de sua carreira.

Temas

Quem é Amanda Nunes?Amanda Nunes e sua categoria de lutaEspecialidade de arte marcial mista de Amanda NunesA favorita do UFCComo Amanda Nunes começou no MMAA carreira de Amanda Nunes no MMAAmanda Nunes, mãe e esposaLutas de Amanda Nunes no UFCAmanda Nunes x Shayna BaszlerAmanda Nunes x Sara McMannAmanda Nunes x Ronda RouseyAmanda Nunes x Cris CyborgAmanda Nunes x Holly HolmRecordes de Amanda Nunes no UFCTotal de vitórias e títulos de Amanda NunesO apelido de leoa faz jus à pessoa de Amanda NunesAmanda Nunes e Nina Ansaroff: uma história de amor no ringue

Quem é Amanda Nunes?

Poderíamos muito bem começar este texto dizendo que Amanda Nunes é uma das melhores lutadoras de UFC do mundo. Mas vamos começar pelo princípio…

Em 30 de maio de 1988 nascia em Pojuca (BA), Amanda Lourenço Nunes. Aos 4 anos de idade, Amanda começou a praticar karatê, e aos 16 iniciou os treinos de boxe em sua cidade natal.

Antes mesmo de considerar as artes marciais como uma possível carreira profissional, Amanda queria ser jogadora de futebol, chegando até a jogar no pequeno time feminino de sua cidade.

Ao ser convidada para treinar jiu-jitsu no mesmo local onde treinava Vanessa, uma de suas irmãs, Amanda começou a ganhar destaque pelas suas habilidades no tatame.

Chamada de “Leoa”, a estreia oficial de Amanda Nunes em competições foi em 2008 no Prime: MMA Championship 2. Amanda foi derrotada no primeiro round por uma conterrânea chamada Ana Maria.

Depois disso a atleta ainda disputou diversos campeonatos, entre eles o Demo Fight 3, Samurai Fight Combat e Prime: MMA Championship 3, até que se filiou ao UFC.

Mais:  Bac Bo – BACCARAT DICE-FUSED VARIANT FOR BIG WINShorse

Amanda Nunes e sua categoria de luta

Atualmente, a lutadora brasileira é a campeã das categorias peso pena e peso galo, divisões das artes marciais mistas, da qual Amanda Nunes faz parte.

No UFC, a divisão de pesos pena abarca atletas de 62 até 66kg; já a divisão de atletas pesos galo tem como limite 61kg. Amanda Nunes é a primeira mulher a garantir o cinturão de ambas as divisões.

Especialidade de arte marcial mista de Amanda Nunes

A arte marcial mista, do inglês mixed martial arts (MMA), é uma modalidade de esporte de combate. Essa modalidade inclui a possibilidade de combater o adversário com de pé ou no chão. Para cada uma dessas modalidades, existem técnicas que são avaliadas.

amanda nunes ufc campea

O grande diferencial do MMA é incluir diferentes técnicas possíveis em diferentes modalidades de esporte e, por isso, permitir aos atletas utilizarem-se de golpes com pés, joelhos, punhos e cotovelos, por exemplo.

A favorita do UFC

Além de garantir premiação em duas divisões distintas e, com isso, destacar-se na história do MMA modalidade feminina, Amanda Nunes é também detentora da liderança da lista de peso por peso, ou seja,o ranking geral do UFC.

A atleta, que começou sua trajetória nas artes marciais há não muito mais do que 14 anos, é uma das mais visadas em âmbito mundial e, além de ter o respeito de suas adversárias, tem o favoritismo de vitória em suas divisões de disputa.

Como Amanda Nunes começou no MMA

Quando pisou no octógono do UFC pela primeira vez, no ano de 2013, derrotou no primeiro assalto a lutadora alemã Sheila Gaff, e se tornou a primeira brasileira na história a vencer um confronto de UFC. Além deste feito já ser suficiente para dar notoriedade em proporções gigantescas para Amanda, essa luta aconteceu no Rio de Janeiro (UFC 163), o que levou o público ao delírio!

Desde então, Amanda Nunes marcou seu nome na história do UFC e tem trazido diversas conquistas que são motivo de orgulho para todos os seus fãs.

A carreira de Amanda Nunes no MMA

A estreia de Amanda Nunes no MMA aconteceu em 8 de março de 2008, quando foi derrotada em uma chave de braço, no Prime MMA Championship 2. Após esse episódio, venceu 5 lutas seguidas por nocaute e começou a ganhar espaço em diferentes organizações pelo mundo.

Mais:  Sinais comuns de póquer que indicam mãos fracas

Antes de integrar sua atual equipe, American Top Team, passou também pelas equipes MMA Masters e AMA Fight Club.

Amanda Nunes, mãe e esposa

A “Leoa” Amanda Nunes foi a primeira atleta assumidamente homossexual a pisar em um octógono do UFC.

Sua esposa, a também lutadora Nina Ansaroff, é norte-americana e juntas, são mães de Reagan Ann Nunes, nascida em 24 de setembro de 2020.

Amanda e Nina compartilharam a gravidez com seus fãs pelo Instagram, onde não escondiam o tamanho da felicidade durante a espera pela primeira filha.

Lutas de Amanda Nunes no UFC

Aqui vamos falar de algumas das lutas mais importantes da história da carreira de Amanda Nunes no grandioso espetáculo que é o Ultimate Fighting Championship.

Amanda Nunes x Shayna Baszler

No ano de 2015, Amanda venceu Shayna por nocaute técnico, com menos de 2 minutos de luta. Após uma certeira joelhada, a adversária foi ao chão, tomando ainda mais alguns golpes da “Leoa” brasileira, até que o juiz interviu finalizando a luta.

Amanda Nunes x Sara McMann

Ainda em 2015, Amanda enfrentou Sara McMann em um confronto antecipado pela mídia como um dos mais difíceis da carreira da brasileira. Sim, foi uma luta difícil, mas Amanda apostou em precisos contragolpes finalizando a luta com um belo mata leão na adversária.

Amanda Nunes x Ronda Rousey

A luta, que aconteceu em 2016, durou apenas 46 segundos, após uma série de golpes naquela que já foi considerada a lutadora mais bonita do UFC. Ronda ainda tentou revidar, mas a luta acabou por nocaute técnico.

Amanda Nunes x Cris Cyborg

Em 2018, Cris Cyborg vinha de um histórico de 13 anos sem nenhuma derrota. Bastou apenas 51 segundos de luta para que Amanda Nunes nocauteasse Cyborg. Nesta ocasião Amanda se tornou a única lutadora do mundo a ser dona de dois cinturões do UFC.

Amanda Nunes x Holly Holm

Em 2019, a luta de Amanda Nunes x Holly Holm entrou para a história, pois ao decorrer de 4m10s, Amanda surrou a lutadora norte-americana e ainda desferiu um alto chute na testa de sua adversária, ato que ganhou destaque no mundo dos esportes.

Segundo o site oficial do UFC, Amanda Nunes é considerada a maior lutadora da história do MMA feminino. E isso explica porquê as preferências das apostas no UFC são todas dela!

Recordes de Amanda Nunes no UFCUma comparação foi feita entre Amanda e os 4 dos maiores campeões de UFC do mundo (Anderson Silva, Jon Jones, Georges St-Pierre e Demetrious Johnson), e embora Amanda seja a lutadora com menos lutas realizadas, ela detém o maior número de vitórias, com o índice em 92%;Amanda foi a primeira lutadora a conquistar 2 cinturões (Peso-galo, em 2016, e Peso-pena, em 2018);Amanda é a lutadora que tem mais vitórias femininas e mais lutas em defesa do cinturão;Amanda também é a lutadora que detém o maior número de vitórias femininas consecutivas, vitórias por nocaute na divisão Peso-galo.

Mais:  Como fazer uma aposta “Come” no jogo de dados

Em 7 de agosto de 2021, aconteceria o UFC 265, onde Amanda disputaria o cinturão Peso-galo contra Julianna Peña, mas o duelo foi cancelado porque a brasileira testou positivo para a COVID-19.

Total de vitórias e títulos de Amanda Nunes

Neste ano, Amanda se tornou a mulher com mais vitórias na história do UFC, após ultrapassar os números de Jéssica Andrade, outra atleta brasileira.

Campeã peso pena e peso galo, a Leoa chegou à 15ª vitória no octógono contra Julianna Peña, no UFC 277. Com isso, alcançou o Top 5 dos vencedores em disputa por cinturão, sem distinção de gênero e é, mais do que nunca, a favorita nas suas divisões de combate.

O apelido de leoa faz jus à pessoa de Amanda Nunes

A carreira de Amanda Nunes mostra que seu apelido é apenas mérito da atleta que ela se tornou. Disciplinada, determinada e corajosa, a lutadora acumula vitórias e já ergueu a bandeira do nosso país em vários octógonos. E ainda erguerá muito, pode apostar!

Amanda Nunes e Nina Ansaroff: uma história de amor no ringue

Amanda Nunes é reconhecida também por ser a primeira campeã de UFC assumidamente homossexual. O mais encantador desse âmbito de sua vida é que conheceu sua esposa justamente no ringue.

Quando ainda treinava em Miami, Nunes conta que nunca tinha a possibilidade de realizar treinos com contato corporal porque na sua academia só tinha homens. Até que um dia surgiu uma outra mulher lá e começou a treinar com ela, a jovem Nina Ansaroff.

Sendo a primeira oportunidade de luta corporal, a atleta já mais experiente achou que Nina fosse bastante resistente, tinha futuro. No início, tudo era uma bela amizade, elas começaram a sair juntas nos dias de folga e se divertiam muito. Até que decidiram transformar a amizade em namoro.

As atletas tiveram sua primeira filha em setembro de 2020 e já demonstram interesse em aumentar a família. Recentemente, Nina anunciou aposentadoria do octógono para focar-se na maternidade.

+300
+500
+1200
+1500
+750
$